Política

Valderez destaca intenso trabalho para os Municípios e Estado na abertura do ano Legislativo

A deputada estadual, Valderez Castelo Branco (Progressistas), participou da abertura dos trabalhos legislativos nesta terça-feira, 04. Com a presença de autoridades dos três poderes, presidentes, parlamentares e secretários, a sessão especial foi realizada no plenário da Assembleia Legislativa.

Após cumprimentar todos os presentes, a parlamentar afirmou que será um ano de muitos desafios, mas reforçou o desejo de estar em consonância com os demais 23 deputados para debater as matérias que vão beneficiar o povo do Tocantins e, dessa forma, realizar um trabalho profícuo em prol dos municípios e do Estado.

“Continuamos nossa caminhada para apresentar e apoiar ações que tragam melhorias à saúde, a educação, a segurança pública, a geração de emprego e renda. Enfim, atuar em todas as áreas com o único objetivo de melhorar a qualidade de vida da nossa gente e assim trabalhar diuturnamente para que o povo do Tocantins seja cada dia mais feliz”, declarou.

Em seu discurso, Valderez parabenizou ainda o presidente da Casa, Antônio Andrade (PTB) pela condução dos trabalhos, e também o Governador Mauro Carlesse (DEM) por sua gestão. “Hoje mesmo, por exemplo, o Governador assinou a prorrogação da alíquota do ICMS para empresas optantes pelo SIMPLES. Ato que atende uma reivindicação dos empresários tocantinenses, luta de associações como a Acipa em Palmas e a Aciara em Araguaína, e que certamente trará benefício ao comércio do Estado”, disse.

Dom Enemésio

Valderez aproveitou a oportunidade para relembrar a morte de Dom Enemésio Ângelo Lazzaris, ocorrida no último domingo, 02. “Deixo minha mensagem de conforto a todos os familiares, amigos e fiéis do nosso querido Dom Enemesio, querido sacerdote orionita, exemplo de fé, amor, caridade e abnegação. Exerceu seu sacerdócio com dedicação e é um exemplo a ser seguido. Cremos em Deus e temos como lenitivo a esperança da ressurreição. Rogando ao Pai para que dê conforto a todos que, assim como nós, sofrem a dor da despedida” concluiu.