Araguaina

Saúde de Araguaína oferece orientações e atendimentos sobre prevenção e diagnóstico de depressão pós-parto

Durante o mês de maio, a Secretaria da Saúde de Araguaína está realizando ações voltadas à prevenção e diagnóstico de depressão pós-parto em mais de 20 UBS (Unidades Básica de Saúde) da cidade. Nos encontros com as gestantes, os profissionais promovem conversas, palestras e orientações durante os atendimentos médicos, odontológicos e de enfermagem.

A Lei Municipal 3050/2017 estabelece o mês de maio como o período de intensificação das ações sobre a depressão pós-parto, mas as abordagens às gestantes são realizadas durante todo o ano no formato de grupos e rodas de conversa.

Para a enfermeira da Rede Amamentar, Pamella Ferreira, abordar as questões da gestação nas unidades de saúde é estratégico devido ao amplo acesso que os profissionais têm às mães durante o pré-natal.

“Nossos profissionais acompanham as mulheres ao longo dos nove meses e os grupos servem como uma preparação abrangente para a gestação e o pós-parto, assim temos a oportunidade de compreender os sintomas da depressão pós-parto e acompanhar de perto as pacientes”, explica Pamella.

Sintomas e diagnóstico

A depressão pós-parto é um transtorno que pode afetar as mães até quatro semanas após o parto. Apesar de ser muito comum, o diagnóstico é desafiador, pois tanto pessoas próximas quanto a própria paciente podem não reconhecer o problema, podendo levar a uma autopercepção de culpa pela tristeza. Os sintomas mais comuns incluem humor deprimido, cansaço, insônia, irritabilidade, ansiedade, alterações de peso e apetite, bem como dificuldade e perda de prazer nos cuidados com a criança.

O diagnóstico da depressão pós-parto é principalmente clínico, baseado na observação dos sintomas e no contexto específico da situação.

Programação

16 de maio (quinta-feira)

UBS Nova Araguaína (Pedro Pacífico): 8 horas – Ação com grupo de gestantes
UBS JK (Carneiro do Guincho): 8 horas
UBS Lago Azul: 8 horas
UBS Costa Esmeralda (Dr. Dantas): 8h30

17 de maio (sexta-feira)

UBS Vila Aliança (Dr. Francisco): 8h30

20 de maio (segunda-feira)

UBS Bairro São João: 8 horas – Ação com grupo de gestantes

21 de maio (terça-feira)

UBS Araguaína Sul: 7h30 e 13h30 – Ação com grupo de gestantes
UBS Setor Maracanã (Dr. Raimundo): 8 horas
UBS Povoado Pontes (Manoel Alves): 8 horas

22 de maio (quarta-feira)

UBS Setor José Ferreira (Senador Benedito): 8 e 14 horas

23 de maio (quinta-feira)

UBS Setor Cimba (Manoel Maria): 7h30
UBS Novo Horizonte (Luciana Ponciano): 8 horas
UBS Nova Araguaína (Pedro Pacífico): 8 horas

24 de maio (sexta-feira)

UBS Setor Dom Orione (José Ronaldo): 7h30
UBS Couto Magalhães (Albeny Soares): 7h30 – Ação com grupo de gestantes

27 de maio (segunda-feira)

UBS Setor Alto Bonito (José Rezende): 14 horas

29 de maio (quarta-feira)

UBS Setor Palmeiras do Norte: 14 horas – Ação com grupo de gestantes