ESTADO

Proliferação da Covid-19 no Tocantins está em desaceleração, afirma pesquisa nacional

Relatório da Covid-19 Analytics, ferramenta criada por um grupo de professores da Universidade Pontifícia Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), mostrou que seis estados brasileiros, entre eles o Tocantins, apresentam desaceleração de novos casos confirmados da Covid-19, doença causada pelo novo Coronavírus. A informação foi divulgada pelo site da Veja nessa quinta-feira, 18.

De acordo com a reportagem, o dado aferido que indica o número efetivo de reprodução do vírus no país, é referente até essa quarta-feira, 17. Dos 27 estados brasileiros apenas Acre, Amazonas, Maranhão, Pará, Roraima e Tocantins estão com uma taxa de retransmissão do vírus inferior a 1. “Ou seja, a média de novos infectados para cada pessoa já infectada está abaixo de uma pessoa. O número significa que a pandemia está reduzindo nestes estados”, consta na Veja.

Segundo o Boletim Epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde nesta sexta-feira, 18, o Tocantins conta com 7.956 casos confirmados de Covid-19, sendo que 4.983 pacientes já estão recuperados e 2.814 estão em isolamento domiciliar ou hospitalar. Até o momento, foram registrados 159 óbitos.

“Temos acompanhado de perto a evolução dos casos da Covid-19 no Tocantins e colocado em prática todas as medidas necessárias para que a propagação da doença seja contida e, com isso, nossa população possa ficar mais protegida. É um cenário difícil de se prever as coisas, pois o desenvolvimento da pandemia é muito dinâmico e enquanto não houver uma vacina, devemos nos manter vigilantes e atentos aos resultados diários. Mas, fico feliz em saber que estamos conseguindo obter sucesso nesse combate ao novo Coronavírus”, avaliou o governador do Estado do Tocantins, Mauro Carlesse.