Educação ESTADO

Em 2023, Unitins se consolida como uma das melhores universidades da região Norte do País

Foto: Adilvan Nogueira

A Universidade Estadual do Tocantins (Unitins) avança rapidamente para se consolidar como uma potência na área da educação superior da região Norte do País, capaz de contribuir de forma efetiva com o desenvolvimento do Estado, por meio da formação de profissionais, com oferta cada vez mais ampla de ensino superior público; desenvolvimento de pesquisas agropecuárias que impulsionam o agronegócio e projetos de extensão que permitem o conhecimento alcançar as comunidades mais isoladas do Estado.

Dados dos processos de avaliação do ensino superior comprovam o crescimento qualitativo da Unitins em todas as áreas, com destaque para a melhoria da qualidade dos cursos de graduação ofertados, a exemplo de Direito, Serviço Social e Ciências Contábeis.

O resultado do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade), divulgado em novembro, aponta que o curso de Direito da Unitins no Câmpus de Palmas é o melhor do Estado. O curso alcança o conceito 4, com um aumento de 19% em relação à nota de 2018, passando de 3,18 para 3,79, liderando o ranking das instituições de ensino superior do Tocantins. Outro dado importante é que o curso de Direito do Câmpus de Dianópolis saltou de conceito 1 para 4, e comprova que investimentos produzem ótimos resultados qualitativos.

O curso de Serviço Social do Câmpus Palmas manteve o Conceito 3, mas registrou um crescimento de 38,29% no item formação geral, o que o coloca entre os mais bem avaliados do Estado. Destaque também para o curso de Ciências Contábeis do Câmpus Dianópolis, que avançou do conceito 2 para o 3. Qualidade que se evidencia também na escolha de quem deseja ingressar na Universidade. O vestibular 2024.1 registrou novo recorde, com mais de 14 mil candidatos inscritos. A qualidade do ensino que a Unitins oferta é o seu maior atrativo.

O reitor Augusto Rezende destaca que a Unitins passa por um momento de forte investimento em todas as áreas e busca acompanhar o processo de expansão da Universidade no cumprimento da sua missão de indutora do desenvolvimento regional, atendendo às diretrizes do Governo do Tocantins, que priorizou a descentralização da oferta de ensino superior público no seu planejamento.

Augusto Rezende faz questão de compartilhar os números da Unitins, que considera bastante expressivos. Resultado, segundo ele, do compromisso cumprido do governador Wanderlei Barbosa. “Esse trabalho integrado do Governo do Tocantins, com apoio da Assembleia Legislativa, tem surtido efeito na comunidade. Nós temos aberto possibilidades para que este aluno estude, isso é muito importante”, destaca o reitor.

“Compartilho a alegria de ter um corpo técnico, docentes e técnicos administrativos que vestem a camisa da Universidade e entendem a nossa missão Nossa equipe trabalha em todas as atividades com muita dedicação e zelo e o nosso aluno cada vez mais incorporado a nossa universidade, cada vez mais envolvido, tendo espaço e voz. O ano de 2023, para a Unitins, foi um ano de integração. Todos tiveram voz e nós conseguimos dialogar com todos e colher os resultados que temos o prazer de apresentar à sociedade”, arremata o reitor.

A Unitins é a universidade com maior presença geográfica no Estado. Possui cinco câmpus – Araguatins, Augustinópolis, Dianópolis, Paraíso do Tocantins e Palmas – instalados em regiões estratégicas; e 15 polos do Projeto de Interiorização Universitária Tecnológica (TO Graduado) – Araguaçu, Arapoema, Campos Lindos, Caseara, Colinas, Colmeia, Guaraí, Itacajá, Miranorte, Natividade, Paranã, Palmas, Ponte Alta, Sítio Novo e Xambioá – espalhados de norte a sul do Tocantins, contemplando todas as regiões do Estado. 

Qualidade

A pró-reitora de Graduação da Unitins, professora Alessandra Ruita Czapski, aponta que “os investimentos realizados em 2023 permitiram um grande avanço na oferta do ensino superior público gratuito de qualidade para todos”, citando que os dados quantitativos de cursos e de alunos comprovam o crescimento da Universidade.

“Ressalto o excelente resultado que os nossos alunos conquistaram no Enade, com notas três e quatro em praticamente todos os cursos, sendo que temos o curso de Direito destaque da região Norte do Brasil. Isso é resultado de um trabalho de melhoria das instalações, apoio aos estudantes, disponibilidade de bolsa para iniciação científica, para iniciação a projetos de extensão, bolsa monitoria para alunos de graduação, além dos investimentos em infraestrutura”, acrescenta a pró-reitora.

E a qualidade reflete também na busca pelos cursos da Unitins. Os dois últimos vestibulares – cursos presenciais e TO Graduado – atraíram cerca de 14 mil inscritos, deixando os processos seletivos entre os mais concorridos da história da Instituição.

Investimentos

Buscando cumprir a meta do Governo, a Unitins vem mantendo o mesmo ritmo de investimento de 2022, quando alcançou um crescimento de mais de 300% em relação ao ano anterior. São obras de expansão, reforma, adequação de infraestrutura em todas as unidades, estruturação de laboratórios, aquisição de computadores e equipamentos para laboratórios, insumos, mobiliários, bolsas de pesquisa, extensão e de monitoria, que permitem a ampliação das vagas de ensino superior ofertadas pela instituição.

O diretor financeiro da Unitins, Fabiano Cottica Magro, apresenta os demonstrativos dos investimentos realizados pela Universidade em 2023, comprovando o esforço da gestão para dotar a Instituição de estrutura compatível com a sua missão de contribuir para o desenvolvimento do Estado. Segundo os dados, até o momento, foram investidos mais de R$ 12 milhões em obras, reforma e manutenção de prédios e aquisição de equipamentos.

Os investimentos de 2023 estão concentrados em três áreas importantes: aquisição de equipamentos; novas edificações e reforma; e manutenção da estrutura predial existente. De acordo com o diretor, são equipamentos de laboratório e pedagógicos, mobiliário e equipamentos de informática para todas as Unidades, incluindo os 15 polos do TO Graduado. Há, ainda, a aquisição de dois tratores e início da construção da sede própria do Câmpus Dianópolis; reformas da Sede Administrativa e de todas as unidades, incluindo estrutura do TO Graduado.

O diretor Fabiano Cottica também destaca que está em andamento a licitação para aquisição de um novo caminhão e de um novo micro-ônibus.

O pró-reitor de Administração e Finanças, Ricardo de Oliveira Carvalho, aponta que a Unitins vem mantendo a política de forte investimento e que esses atendem às necessidades de expansão da Universidade e possibilitam avanços em todas as áreas.

“Como o reitor sempre fala, havia uma demanda represada de estrutura. Hoje em dia, todos os câmpus estão bem estruturados, com carteiras novas, mobiliários novos, climatizadores de ar e isso traz impactos e resultados positivos. A gente trabalha para a nossa comunidade acadêmica, sempre buscando por melhorias. Mais estrutura e mais conforto motivam o acadêmico a estar em sala de aula, o que reflete diretamente na melhoria dos índices de qualidade”, completa Ricardo de Oliveira Carvalho.

Os investimentos realizados em 2023 também possibilitaram uma ampliação na oferta de bolsas aos alunos e o aperfeiçoamento no quadro de professores e servidores técnicos administrativos.

Para incentivar e apoiar acadêmicos na participação em projetos de extensão, Pesquisa e Monitoria, além de auxiliar a permanência nos cursos da graduação, a Unitins investiu, neste ano de 2023, R$ 1,787 milhão. O valor representa um aumento de 275% em relação ao ano passado, quando foram pagos R$ 476 mil em bolsas. O total de bolsas passou de 1.227 bolsas, em 2022, para 2.447, neste ano, segundo dados da Pró-Reitoria de Administração e Finanças.