AÇÃO POLICIAL

DHPP já tem suspeito de matar vendedor de frutas e enterrar corpo em região de chácaras

O delegado da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Adriano Carvalho, afirmou que a Polícia Civil já tem um suspeito da morte do vendedor de frutas Carlos Magno Alves dos Reis, de 41 anos.

Segundo Adriano, a DHPP tenta descobrir as circunstâncias do crime e a motivação. A equipe da DHPP esteve novamente onde o corpo de Carlos Magno foi encontrado.

O caso

A Polícia Civil do Tocantins, por meio da 3ª Divisão Especializada de Repressão ao Crime Organizado (3ª DEIC) de Araguaína, encontrou o corpo de um homem de 41 anos, vendedor de frutas de Araguaína. Ele estava desaparecido desde o último sábado, 18. A investigação foi iniciada assim que a equipe da 3ª DEIC obteve a notícia do fato, por meio do Boletim de Ocorrência registrado pela família da vítima.

Na última quinta-feira, 23, no entanto, foi obtida a informação, por meio do serviço de inteligência policial, de que o corpo estaria enterrado em uma chácara na região da Jacubinha, aproximadamente 8 km de Araguaína. Os agentes de polícia entraram em contato com familiares e iniciaram as buscas na região com o auxílio de aproximadamente 20 pessoas, até a localização da cova neste sábado.

A vítima possuía sinais de crime com violência. Os trabalhos periciais de praxe foram realizados no local por peritos da Polícia Científica e o corpo foi levado pelo Instituto Médico Legal. O fato será encaminhado agora para a 2ª Divisão Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (2ª DHPP) de Araguaína para a apuração da suposta autoria e motivação do crime.